• Cariri in Foco

Romero adia anúncio de posicionamento, admite conversar com João e diz que

que decisão sobre 2022 “não é fácil”

Não são de hoje os rumores de que Romero, pré-candidato ao governo do estado no próximo ano, poderia desistir da disputa e se aliar ao governador. Desde que o deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) falou publicamente que Romero havia comunicado a desistência, em reunião nesta semana, a especulação de aliança cresceu ainda mais.

Nesta sexta, cumprindo agenda em Campina Grande, Romero respondeu à imprensa que deverá sim conversar com o governador João Azevêdo sobre esse tema, mas ressaltou que quer ouvir todos os seus aliados políticos acerca de uma possível união.

“Vou tentar conversar com ele sim. Eu tenho conversado com muita gente. Encontrei casualmente tanto Daniella como Aguinaldo, mas não tratei o tema, pois não deu tempo em Brasília. Tenho uma boa relação com eles, todos sabem, já que são aliados na cidade, não de agora, mas já há um tempo”, disse.

Romero, que inicialmente havia dito que divulgaria hoje um posicionamento oficial sobre o tema, adiou a decisão, alegando que precisa ouvir todos os interessados, para tomar a decisão, “que não é fácil”. Romero disse que nenhum posicionamento foi tomado ainda, nem mesmo de sua possível desistência ao governo estadual.

“Eu não desisti não, está em pauta a discussão. A gente está discutindo possibilidades. Não posso responder por quem fala sem combinar comigo”, falou. “Falta conversar com alguns aliados do partido, que ainda vou conversar. No que depender de mim, não quero excluir essas lideranças mais próximas, qualquer que for a decisão, o que não é fácil”, disse em outro momento.

Polêmica Paraíba

1 visualização0 comentário