• Cariri in Foco

POLÊMICA: Vereador de Alhandra/PB usa tribuna para atacar religião de colegas


O vereador de Alhandra, na Grande João Pessoa, Jeremias Nascimento (Progressistas), disparou críticas ao adversário, vereador João Ferreira (Democratas), mais conhecido por João Sufoco, na tribuna da Câmara Municipal. A sessão seguiu para uma verdadeira demonstração de intolerância religiosa por parte do vereador.

Continua depois da publicidade


As declarações inadequadas e inapropriadas aconteceram na sessão plenária da Câmara Municipal de Alhandra, da última segunda-feira, 16.

“O diabo, que aqui está bem representado por João Ferreira, veio para matar e destruir. A vida dele sabe onde é? No terreiro de Mãe Aruanda, em Timbaúba. Eu aconselho que ele procure a cartomante do amor, Mãe Delamare. De lá, ele procure o terreiro de Pai Baêta, lá na Ilha do Bispo para tirar esse encosto amaldiçoado que ele tem na vida dele. Por fim, procure o templo maior da Igreja Universal do Reino de Deus, na sessão do descarrego”, ironizou Jeremias na tribuna aos colegas vereadores presentes.

Os ataques também foram direcionados ao deputado estadual Branco Mendes (Podemos) que, segundo afirmou Jeremias na tribuna, “entregou a alma ao cão” e “odeia evangélicos”. “O deputado Branco Mendes, quando vereador em Alhandra tomou banho de 20 litros de sangue de bode”. Ainda completou: “cão puro”. Branco é adversário do atual prefeito Marcelo Rodrigues, de quem Jeremias é aliado, mas um dia já foi adversário.

O advogado Franklin Soares, presidente da Comissão de Direito e Liberdade Religiosa da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraíba. “A comissão tomou ciência do fato e está tomando as medidas cabíveis junto aos órgãos públicos”, disse.


Paraíba Todo Dia

5 visualizações0 comentário